Pesquisar este blog

ABOUT.ME

domingo, 10 de agosto de 2014

O boom do jornalismo desqualificado e fracassomaníaco



Postado originalmente em Ficha Corrida:



cp10082014 O BRASIL QUE TRABALHA



Expansão na base reduz abismo social mas limita economia


Mudanças no mercado afetam produtividade e refletem falta de profissional preparado em setores que crescem


Nos últimos cinco anos, país contratou serventes, auxiliares, vigias e recepcionistas e eliminou postos médios


ÉRICA FRAGA, MARIANA CARNEIRO, INGRID FAGUNDEZ, DE SÃO PAULO


Dez profissões de pouca qualificação e salário baixo foram responsáveis por metade dos 9,4 milhões de empregos formais criados no país entre 2007 e 2013.


O cargo de servente de obras foi o campeão de vagas geradas: 921 mil, quase 10% do saldo total entre contratações e demissões no período.


Trabalhadores de chão de fábrica, faxineiros, vendedores, vigilantes e recepcionistas também tiveram os maiores saldos de postos criados.


Na outra ponta, entre as carreiras que…



Ver original 406 mais palavras






Arquivado em:Sem categoria



from WordPress http://ift.tt/1sLU1MY

via IFTTT
Related Posts Plugin for WordPress, Blogger...

Reuters: Top News

Reuters: World News

Reuters: Arts

Reuters: Sports News

Reuters: People News

Reuters: Entertainment News

Reuters: Technology News

ÚLTIMAS NOTÍCIAS

SEGUIDORES NO GOOGLE +

Testez la vitesse de votre connexion Internet ADSL, câble ou FTTx